Maria Aparecida Rodrigues Marques

Minha foto
Mimoso do Sul, ES, Brazil
Maria Aparecida Rodrigues Marques tel:28-999868860

domingo, 17 de setembro de 2017

O MUNDO MÁGICO COM FANTOCHES

                                    O Conto a Dramatização e o Fantoche



A proposta desse trabalho é mostrar como é a dramatização através do fantoche utilizando a história da “ A PRINCESA E A ERVILHA”, escrita pelo  dinamarquês Hans Christian Andersen, datando a primeira publicação de 1835.  Uma dica muito importante para se  aventurar no mundo do faz-de-conta utilizando fantoches. Passar segurança! O fantoche deve ser segurado com confiança e não esquecer que ele é quem contará ou terá um papel importante na história. Não ler a história, contar com palavras próprias. 

Deixar a imaginação funcionar - isto é o que cria o encanto no público. o Descrever detalhes de cores, locais, isto estimula a imaginação e ajuda a memória. Ou então fazer uma pausa, olhando todos nos olhos, como para levantar suspense. 

 Ensaiar e calcular o tempo. A introdução é de suma importância e é imprescindível criar expectativas sobre a história.



  Não subestimar a capacidade das crianças de imaginar e fantasiar, o que atrai as crianças é a possibilidade de entender a simplicidade da história e viajar no seu imaginário. o Entusiasmo verdadeiro é importante, não se deve forçar situações que podem fugir ao controle. 


 Tornar a história o mais real possível, escolhendo um ponto e contando-o como se fosse a notícia mais interessante do mundo. o Deixar os pensamentos das crianças presos no ponto da história, na mensagem central dela.  Quanto mais se pratica, melhores ficarão as técnicas. É necessário testar diferentes métodos e sempre aprender das próprias experiências.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Dicas para Relatório para educação Infantil.

ÁREA SOCIAL E AFETIVA

 Adaptou-se com naturalidade. / Ainda não completou seu processo de adaptação.
 Ainda mostra-se resistente ao atender algumas regras da escola.
 É assíduo e pontual.
 Ainda não respeita os pertences dos alunos.
 Aceita esperar sua vez.
 Distingue os diferentes momentos e situações dentro da escola, respeitando-as.
 Participa das atividades em grupo demonstrado interesse e cooperação.
 Tem preferência por atividades individuais.
 Tem bom relacionamento com todos que convive.
 Relaciona-se progressivamente com mais crianças, com outros professores e com demais profissionais da escola.
 Apresenta-se seguro em suas ações(ainda não...)
 Demonstra ter imagem positiva de si, ampliando suas autoconfiança e identificando cada vez mais suas limitações e possibilidades e agindo de acordo com elas.
 Valoriza o diálogo como forma de lidar com os conflitos Demonstra iniciativa na resolução de pequenos problemas.
 Demonstra iniciativa na resolução de pequenos problemas.
 Mostra-se interessado em enfrentar desafios.
 Expressa seus sentimentos com clareza
 Preocupa-se em cuidar dos materiais de uso individual e coletivo.
 Ainda apresenta-se bastante inquieto o que impede de participar ativamente das atividades propostas.
 Mostra-se carinhoso, alegre, tímido.
 Às vezes mostra-se agressivo com alguns coleguinhas.
 Valoriza atitudes de preservação e manutenção dos espaços coletivos
 Reconhece e utiliza hábitos sociais, valores e atitudes como preservação do convívio social, ética e saúde.
 Demonstra assiduidade e pontualidade.
 Mantém um padrão de comportamento e relacionamento convencional.
 Demonstra comportamento desejável em sala de aula.
 Tem iniciativa e interesse nas atividades propostas.
 Relaciona-se bem com colegas, professores e demais funcionários.
 Participa das atividades em grupo.
 Coopera com o grupo. 
 Lidera as atividades em grupo.
 Partilha e empresta material de bom grado.
 Obedece as regras do grupo e da escola.
 Reconhece seus direitos e deveres.
 Escuta e tem atenção quando outros falam.
 Respeita a opinião dos outros
 Cuida do material e do patrimônio escolar.
 Mantém a pasta organizada e os cadernos em ordem.
 É capaz de concluir as atividades propostas em tempo desejável.
 Respeita regras que orientam as dependências da escola.
 Expressa seus sentimentos com clareza, valorizando o outro como forma de reconhecimento e amizade.
 É dedicado e caprichoso.
 É atencioso e disciplinado.
 É observador e curioso.
 Demonstra confiança e companheirismo.
 Conversa sobre seus medos, sonhos, fantasias demonstrando claramente seus sentimentos muitas vezes ocultos.
 Mostra iniciativa, interesse e entusiasmo em enfrentar desafios.
 Sabe pedir desculpas e perdoar espontaneamente.
 Guarda mágoas.
 Supera conflitos.
 Concentra-se nas tarefas propostas.
 É solidário com o colega.
 É resistente.
 É arredio.
 É inquieto.
 É egoísta.
 Demonstra agressividade.
 É ansioso.
 É inseguro.
 Demonstra timidez.
 É carinhoso com colegas e professora.
 Demonstra-se alegre.
 Apresenta tristeza em determinados momentos.
 Estabelece vínculos afetivos e de troca com adultos e crianças fortalecendo sua auto-estima.
 Adaptou-se a escola e a turma.Amplia consideravelmente seu círculo de relações pessoais.Demonstra independência.
 Supera dificuldades sem ajuda.
 Demonstra iniciativa na resolução de pequenos conflitos.
 Enfrenta desafios com autonomia.
 Respeita a participação alheia.
 Tem bom relacionamento nas atividades em grupo.
 Apresenta organização e responsabilidade no jogos.
 Demonstra decisão e autonomia.
 Demonstra atenção, empenho e respeito no momento da fala do colega e do professor.
 Questiona a professora.
 Inicia as atividades logo que são propostas.
 Assume responsabilidade pelos seus atos.
 Aceita opiniões divergentes da sua.
 Pede ajuda quando precisa.
 É curioso em relação a novos conhecimentos.
 É desinibido para expressar suas opiniões.
 Espera sua vez de falar. 
 Revela confiança em si próprio.
 Realiza as tarefas de casa com prontidão.
 Manifesta afeto e respeito mútuo com colegas e professora.
 Brinca expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades


CONHECIMENTO DE MUNDO
MOVIMENTO:
 Apropria-se progressivamente da imagem global do seu corpo, conhecendo e identificando seus segmentos e elementos e desenvolvendo cada vez mais uma atitude de interesse e cuidado com o próprio corpo
 Demonstra controlar o equilíbrio do corpo em diversas situações.
 É capaz de coordenar a sua ação com a dos companheiros quando o jogo requer.
 Explora diferentes qualidades e dinâmicas do movimento, como força, velocidade, resistência e flexibilidade.
 Controla gradualmente o próprio movimento, aperfeiçoando seus recursos de deslocamento.
 Participa com interesse de brincadeiras e jogos cantados e rítmicos.
 Agrada-lhe manipular objetos e brinquedos que permitem o aperfeiçoamento das suas habilidades manuais.
 Identifica diferentes sensações táteis olfativas, gustativas e sonoras.
 Amarra os cordões dos sapatos, recorta com precisão, monta quebra-cabeça com peças médias(grandes ou pequenas).

ARTES VISUAIS:
 Ouve e aprecia produções musicais.
 Brinca com a música imitando, inventando, criando e reproduzindo criações musicais.
 Utiliza-se da expressão musical e artística como forma de comunicação e interação com os outros, ampliando seu conhecimento de mundo.
 Interessa-se pelas Artes, demonstrando admiração e gosto pelas produções da escola e pelas obras regionais (nacionais e internacionais).
 Percebe na escuta sentimentos e emoções subjacentes à produção musical.
 Cria textos e melodias, compondo pequenas canções para expressar-se.
 Explora diversas linguagens visuais, conhecendo e utilizando diversos materiais para produzir trabalhos artísticos.
 Demonstra atitude de auto-confiança e respeito por sua produção artística e a dos colegas.

LINGUAGEM ORAL E ESCRITA:
 Participa com interesse de atividades orais. 
 Tem vocabulário diversificado, rico.
 Vem ampliando seu vocabulário gradativamente.
 Ainda não participa de atividades orais.
 Transmite recados.
 Dialoga com colegas e professor.
 Faz reconto de histórias.
 Fala parlendas e trava-línguas trabalhadas. 
 Expressa-se com frases corretas e acabadas.
 Expressa-se com clareza. 
 Ainda na demonstra compreender explicações que são dadas.
 Ainda não pronuncia alguns sons.
 Recita poemas.
 Utiliza expressões de cortesia.
 Aprecia o material de leitura selecionado, lendo de acordo com suas possibilidades.
 Participa com prazer das rodas de conversa.
 Argumenta suas idéias.
 Elabora e responde perguntas.
 Sabe dizer seu nome completo.
 Incorpora e recorda palavras facilmente.
 Usa a linguagem para conversar, brincar, comunicar e expressar desejos, necessidades, opiniões, idéias, preferências, sentimentos e relatar suas vivências nas diversas situações de interação presentes no cotidiano.
 Elabora perguntas e respostas de acordo com os diversos contextos dos quais participa.
 Relato de experiências vividas e narração de fatos em seqüência temporal e causal.
 Reconta histórias conhecidas com aproximação às características da história original.
 Conhece e reproduz jogos verbais como parlendas, trava-línguas, adivinhas, quadrinhas, poemas e canções.
 Veicula suas idéias articulando corretamente as palavras.
 Expõe oralmente suas idéias de forma lógica.
 Argumenta e defende suas idéias.
 Expressa-se com fluência adequando sua fala a diferentes situações.
 Apropria-se progressivamente de novas palavras ampliando seu vocabulário.
 Utiliza adequadamente as palavras entendendo os seus significados e empregando-as corretamente.
 Compreende mensagens dirigidas ao grupo.
 Sabe dar recados.
 Ouve com atenção uma história, perguntas e diálogos.
 Descreve gravuras.
 Interpreta histórias.
 Reproduz oralmente um fato ocorrido.
 Usa recursos gestuais e faciais pertinentes ao comunicar-se.
 Utiliza-se de argumentos consistentes para defender seus pontos de vista.
 Participa de situações de comunicação oral manifestando sua opinião e ouvindo os outros.
 Narra histórias conhecidas e situações vividas.
ESCRITA
 Distingue palavras de desenhos.
 Reconhece e escreve seu nome.
 Reconhece nomes dos colegas.
 Escreve nomes dos colegas.
 Identifica e escreve letras do alfabeto.
 Conhece e diferencia letras de números e símbolos.
 Reconhece a letra inicial e final dos nomes percebendo a posição da letras na palavra.
 Participa de situações cotidianas nas quais se faz necessário o uso da escrita.
 Escreve seu nome em situações em que isso é necessário.
 Reconhece as idéias contidas em alguns símbolos usuais.
 Utiliza-se do desenho para representação e o registro de suas idéias.
 Reconhece e utiliza o espaçamento convencional entre as palavras.
 Escreve obedecendo a direção esquerda/direita e de cima para baixo.
 Associa as letras do alfabeto à 1ª letra das palavras conhecidas.
 Compreende pequenos textos trabalhados e faz leitura correspondente.
 Mostra-se cuidadoso no traçado das letras.
 Acompanha o registro feito no quadro pela professora.
 Elabora desenho dentro de um contexto.
 Faz leitura de imagens, rótulos, figuras e símbolos.
 Compreende que as palavras são formadas por letras e texto formado por palavras.
 Destaca uma determinada palavra dentro de um texto trabalhado.
 Completa frases de acordo com o texto.
 Reorganiza frases e palavras de textos trabalhados.
 Reestrutura e organiza idéias na reescrita de textos trabalhados.
 Identifica o número de letras das palavras.
NÍVEIS DE CONCEITUALIZAÇÃO DA ESCRITA

 Ainda não faz a correspondência entre letras e os sons. Inventa desenhos garatujas e rabiscos para representas a escrita.
 Uso de letras muitas vezes do próprio nome ou misturam números e letras para representar a escrita.
 Utiliza muitas letras para escrever o nome de coisas grandes e que coisas pequenas têm nomes pequenos.
 Escreve uma palavra utilizando uma variedade de letras, acredita que para escrever tem que variar as letras.
 Acredita que existe relação entre o que se fala e o que se escreve. Faz correspondência entre quantidade de sílabas e uma letra para cada sílaba sem valor sonoro, não se preocupa com a correspondência do som e letra.
 Utiliza uma letra para representar cada sílaba com valor sonoro. Às vezes só usa vogais, ou só consoantes, ou consoantes e vogais.
 Já escreve combinando consoante e vogais formando sílabas, mas as vezes não forma a sílaba completa usando só vogais ou só consoantes.

RACIOCÍNIO LÓGICO MATEMÁTICO

 Utiliza contagem oral nas brincadeiras e em situações nas quais reconheça sua necessidade.
 Identifica a posição de um objeto ou número numa série.
 Identifica números nos diferentes contextos em que se encontram.
 Identifica números maiores ou menores, ordenando-os.
 Ordena números na seqüência ascendente.
 Identifica números que estão faltando numa série numérica.
 Reconhece o número que vem logo antes ou logo depois de um determinado número.
 Conta correspondendo um a um os nomes dos números aos objetos a serem contados.
 Lê números conhecidos de modo convencional.
 Usa números para registrar quantidades.
 Sabe ordenar quantidades e números.
 Identifica e nomeia formas e tamanhos.
 Identifica posição e se situa no espaço.
 Discrimina semelhanças e diferenças em objetos.
 Resolve situações problemáticas simples.
 Consegue organizar objetos de acordo com os atributos.
 Identifica e nomeia conceitos e cores.
 Reconhece os diversos significados e interpretações dos conceitos.
 Reconhece grandezas e suas medidas em diversas situações.
 Estabelece relações e compreende facilmente números de 0 a 9 e consegue associá-los para completar um conjunto com a quantidade pedida.
 Organiza objetos na forma ascendente e descendente de acordo com os atributos, tamanho, cor, forma, peso, etc.
 Emprega corretamente o vocabulário atemático relacionado a conceitos diversos.
 Utiliza noções espaciais básicas para explicar direções.
 Resolve situações problemáticas.
 É capaz de dizer uma série numérica de ___ a ___, recitando os números em ordem.
 Identifica o maior entre dois números, o que vem logo antes e logo depois.
 Utiliza noções simples de cálculo metal como ferramenta para resolver problemas.

NATUREZA E SOCIEDADE:
 Manifesta opiniões próprias sobre acontecimentos, busca informações e confronta idéias.
 Participa com interesse de todas as atividades desenvolvidas envolvendo o tema estudado.
 Imagina soluções para os problemas apresentados.
 Participa de conversas formulando perguntas sobre o conteúdo trabalhado.
 Estabelece algumas relações entre o modo de vida característico de seus grupo social e de outros.
 Reconhece a importância da preservação das espécies para a qualidade da vida humana.
 Reconhece e utiliza hábitos de higiene como preservação e prevenção de saúde
 Identifica os fenômenos mais simples da natureza , suas causas e efeitos
 Utiliza conceitos próprios relacionados ao corpo (partes,desenvolvimento, funções, cuidados)
 Reconhece o meio ambiente como fator de sobrevivência dos seres
 Tem consciência da preservação do meio ambiente 
 Age com educação ambiental
 Identifica o espaço mais próximo e sabe se situar nele
 Nomeia lugares e pessoas conhecidas
 Identifica sua história de vida e dos seus familiares

OBSERVAÇÕES:
 A agitação e ou dispersão tem afetado o desempenho do(a) aluno (a).
 Faz regularmente o para casa, completo e com capricho.
 Requer constante supervisão da professora.
 Suas faltas tem afetado o seu desempenho.
 Demora mais que o tempo previsto para realizar as atividades propostas.
Fonte:http://tiadacreche.blogspot.com.br

REGISTRO DO DESENVOLVIMENTO ESCOLAR DO (A) ALUNO (A)



CRECHE/PRÉ- ESCOLAR
    
EIXOS DE TRABALHO: Identidade e Autonomia, Linguagem Oral e Literária, Comunicação e Expressão em Artes, Linguagem Oral Musical, Linguagem Matemática, Ludicidade, Brincadeiras e Jogos, Natureza e Sociedade, Recreação
Escola 
Endereço: 
Pedagoga: 
 Diretora: 
DADOS DA CRIANÇA
Nome: 
Turma Faixa Etária: Jardim I A                                            
Turno: Matutino ou vespertino
Professora: 
Período de Avaliação: 

Neste segundo trimestre Marcelo teve um bom desempenho, envolvendo-se com interesse nas atividades propostas.
Continua estabelecendo um relacionamento amigável com seus colegas e professores.
 É muito atento questionador em aula, procura ajudar os colegas sempre que possível. Colabora no fortalecimento da amizade e respeito às regras de convívio na Escola.
Na linguagem oral e literária, Participa da rodinha de conversa com interesse, consegue se expressar com clareza e sequência lógica de ideias. Reconta e conta história com habilidade. Na linguagem escrita conhece e escreve seu nome sem o apoio da ficha, letras do alfabeto e números de 1 a 5. Na área do pensamento lógico não apresenta dificuldades, realizando com habilidade leitura dos números, formas geométricas, cores e lateralidade. Comunicação e Expressão em Artes, gosta de fazer dramatização de histórias contada e música. Participou com alegria das atividades que envolveram o movimento com o corpo, ampliando a confiança em sua capacidade motora. Movimentou-se bem durante as brincadeiras ao ar livre, como na brincadeira que participou durante o pátio dirigido.
Na maioria das vezes, seja na realização das atividades, apresentações e outros, Marcelo, mostra-se entusiasmado incentivando os colegas a participarem ativamente das atividades propostas por mim ou por seus pares.
Com relação às tarefas escolares de casa continua demonstrando muita responsabilidade e capricho. É necessário que a família continue incentivando-o, encorajando-o a realizar as atividades e orientando-o no que for necessário. Da mesma forma, é necessário valorizar as suas conquistas para que ele possa superar suas dificuldades.
Neste trimestre foram trabalhados os conteúdos: Meio Ambiente (Animais, Água, Solo, Ar, Terra, e Reciclagem), Reciclagem, Estacoes do Ano, Vestuário, Organização dos grupos sociais, Meios de Transporte, Cidade, Campo, Moradia, Cores e Formas Geométricas, datas comemorativas e Projetos Idealizados pela Escola.

Parabéns! Estou feliz com o seu sucesso!
Encerrado em 08/09/2017.

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

História : 7 de setembro



Era uma vez um principezinho que veio de uma terra muito distante chamado Portugal para morar no Brasil com sua família. Este príncipe era chamado de Pedrinho. Ele era um menino inteligente, corajoso e muito amoroso.
O povo brasileiro gostava muito dele, por isso quanto sua família teve que regressar para Portugal com urgência, os brasileiros fizeram uma baixo-assinado e foram as ruas pedir que Pedro permanecesse aqui. O povo clamava:
-Fica Pedro! - Fica Pedro! - Fica Pedro! -Fica Pedro!
O príncipe vendo aquela multidão de brasileiros pedindo que ele ficasse, respondeu:
- Se for para o bem de todos e felicidade geral da nação, eu fico.
Os brasileiros ficaram super contente e comemoram sua primeira vitória:
- Viva! Viva! Viva! Viva!
O tempo passou e um dia a princesa Leopoldina recebeu uma carta do pai de Pedro, que era rei de Portugal. Ao ler a carta ela chamou seu conselheiro José Bonifácio e disse:
- José, a corte portuguesa exige que Pedro volte imediatamente para Portugal.
Naquele mesmo instante José Bonifácio teve uma idéia.
- Alteza, escreva uma mensagem a vosso marido, peça que proclame a Independência do Brasil imediatamente.
A princesa mais que depressa escreve uma carta e manda o mensageiro entregar a Pedro.
-Vá rápido, encontre o príncipe Pedro e entregue esta carta a ele.
O mensageiro encontrou o príncipe perto do Riacho Ipiranga, descansado com sua cavalaria.
-Vossa alteza, eis uma mensagem da princesa Dona Leopoldina.
Ao ler a mensagem Pedro diz aos soldados.
-Soldados, a corte portuguesa quer nos escravizar. Laços fora, guerreiros! A partir de hoje não serviremos mais a Portugal. Ou o Brasil fica livre ou morremos por ele. Independência ou Morte!
Todos os soldados gritaram em um só coro:
-Independência! Independência! Independência!
A partir daquele dia raiava a liberdade no horizonte do Brasil. Nosso país tinha ficado livre de Portugal. E hino brasileiro agora poderia ser cantado em todas as redondezas com mais força e garra.

(Bernadete Sena de Santana)

Fonte:http://www.xalingo.com.br/clubinho/curiosidades/independencia#sthash.0qSZjLoW.dpbs

ENSINANDO COM AMOR E NÃO POR AMOR!!

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Follow by Email