Maria Aparecida Rodrigues Marques

Minha foto

Professora Maria Aparecida R. Marques mas podem me chamar de (Cida Marques) Professora graduada em pedagogia pela Fundação Universidade do Tocantins e Pós Graduada em Artes, Gestão Publica , Educação Infantil e Series Iniciais pela Faculdade de administração FACEL. Professora concursada em duas matriculas pela rede municipal. Contato pelo email: cidarmarques2@hotmail.com tenho 45 anos, sou casada, tenho dois filhos lindo, um de 05 anos e o outro 24 anos. Trabalho na Educação Infantil municipal a 22 anos. Amo o que faço, busco sempre melhorar, procuro entender meus alunos para poder ajudá-los. Para mim ser professora é uma missão. Agradeço a Deus por ter me dado essa oportunidade e os meus pais por terem me incentivado.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Parabéns pela Formatura

©All rights reserveds to Luizinho Bastos
® Direitos reservados a Luizinho Bastos
Que grande emoção!...
Um sonho que exigiu vários anos
de constante dedicação e estudo,
está sendo realizado com méritos,
por você, neste momento mágico de sua vida.
Você está celebrando sua colação de grau,
a merecida cerimônia de formatura.
A tímida semente de outrora,
hoje é uma árvore robusta
com os primeiros frutos de vitória.
Uma longa etapa foi concluída
com muita garra e o futuro abre as portas
para uma nova caminhada.
Renovam-se as esperanças em seu coração.
Entre sorrisos e lágrimas brilha uma
grande e sublime felicidade.
O sonho continua...
Que Deus te abençoe
na vocação que escolhera e te inspire
na emocionante jornada da vida.
Parabéns! Seja Feliz!
Sucesso!

Formatura Infantil

No colégio as crianças "se formam" assim que terminam a Educação Infantil para iniciar o Ensino Fundamental. É uma cerimônia nos moldes de uma formatura mesmo. Tem um baile e algumas apresentações dos alunos. Tudo muito fofo porque os formando tem apenas 5 anos.

Neste ano o tema das apresentações será a união dos povos e a paz entre as nações. Serão 4 coreografias , cada uma representando um país: Egito, Itália, Japão e, ao final, Brasil.

Fiquei responsável por escrever o texto.
Penso em algo assim:

Menina- (nome do menino), hoje é o dia da nossa viagem!
Menino - Que viagem?
Menina- Lembra que encontramos um livro antigo na biblioteca da vovó?
Menino - Sei, aquele cheio de poeira.
Menina - Então, quando a gente abre um livro somos capazes de viajar sem sair do lugar!
Menino - Uau!
Menina - Ler é conhecer até o que não está ao nosso alcance.
Menino - Então eu quero começar a viagem. O livro diz que a nossa próxima parada é o Egito!
Menina - Egito?
Menino - Isso!

(coreografia do Egito)

Menino - Agora vamos para outro continente: a Europa! Lá conheceramos os italianos.
Menina - Hmm... Soube que a Itália é a terra da Pizza!
Menino - Vamos assistir este espetáculo italiano!

(coreografia da Itália)

Menina - Acabei de virar mais uma página vamos agora para ainda mais longe.
Menino - Já consigo ver as expressões, os olhos puxados...
Menina - Do outro lado do mundo, pelo menos da nossa parte do mundo...
Juntos - Japão!

(coreografia do Japão)

Menina - Nossa, vamos finalmente voltar para casa
Menino - Para o nosso amado país!
Menina - E trazemos muitas experiências na bagagem, não?
Menino - Muitas! Culturas diferentes, pessoas diferentes...
Menina - Ao mesmo tempo percebeu como somos semelhantes?
Menino - Sim, somos todos humanos. Pertencemos a raça humana!
Menina - E com muito orgulho talvez este seja o país que mais represente essa união de povos.
Menino - Sim, essa nossa comunhão de culturas, de aceitação das diferenças.
Menina - Muitos povos vivem aqui. Há espaço e lugar para todos.
Menino - Somos terra de todos! Aliás aqui há espaço e lugar para o respeito, solidariedade...
Menina - E onde não houver nós vamos levar, combinado?
Menino - Mas como?
Menina - Através dos livros!
(menino olha para o público como se conversasse com a platéia) - Nesta história os livros representam a leitura, a escola, a educação, através da educação podemos mudar o mundo!
Menina - Através da educação podemos mudar um país!
Menino - O nosso país:
Juntos - Brasil!!!!
http://beijosdeluz.blogspot.com/2008/10/formatura-infantil.html

Discurso de Formatura



Meus Senhores, Minhas Senhoras:
Esta noite não é apenas uma noite de formatura, um instante de despedida, o encerramento de uma missão. O conhecimento das novas responsabilidades, que por causa do Diploma nos aguardam, nos deu a convicção de que estamos vivendo é mais um início, que esta vitória não dá por encerrada a nossa luta. O que até agora demos ao Maranhão e ao Brasil não constitui ainda o mínimo do que eles estão a exigir de cada um de nós.
Teremos que voltar, colegas, aos livros e às Escolas - onde nos reuniremos, certamente, a novos homens desta mesma geração, sem nunca perder de vista, contudo, que é preciso lutar, mais e mais, para que todos nós, sendo dignos do Maranhão e do Brasil, possamos ajudá-los a vencer as dificuldades que lhes impedem que a caminhada para o desenvolvimento seja no ritmo desejado e necessário.
Numa hora como esta, não há, portanto, encerramento e nem despedidas. Nós não pertencemos àquela geração que o poeta Fernando Pessoa classificou como “raça do fim, limite espiritual da hora morta, que vive a negação, o descontentamento e o desconsolo”. Nós não podemos consentir que o Brasil assista o triunfo das nulidades - e para lembrar Rui - que “o homem continue a ter vergonha de ser honesto”.
Ao mundo todos viemos para lutar! E nós lutaremos - hoje entrincheirados nos livros e amanhã na linha de frente das responsabilidades que a Pátria nos entregar. Inspirados por Deus, lutaremos todos, cada um com sua força de trabalho, pelo progresso; cada um, cristãmente, pela Justiça e pela Paz, para que possamos todos aguardar o futuro confiadamente e que nele não murchem as flores da nossa crença!
O que Roosevelt disse ao seu Povo, o que Kennedy repetiu para os estudantes de Costa Rica, eu creio que também posso dizer agora a todos:
- Esta geração, a nossa geração, tem um encontro marcado com o destino. Confio em que todos vós compareceis a esse encontro

DICAS PARA FORMATURA...



PARA OS EDUCADORES QUE IRÃO FORMAR SEUS ALUNOS, QUE TAL PREPARAR UMA FORMATURA DETALHADA E BACANA PARA SEUS PIMPOLHOS? SEGUE ABAIXO TODOS OS ITENS QUE PRECISA PARA MONTAR UMA FORMATURA INESQUECÍVEL.

SUGESTÃO NÚMERO 1

Formatura do CEIM Casulo

ABERTURA:

Sejam todos bem-vindos. Com alegria nos reunimos para celebrar a FORMATURA de nossos anjinhos de 2011.

FUNDO MUSICAL: AMEM (Padre Marcelo)

Apresentador:

Vamos chamar agora os participantes que vão compor a nossa mesa:

♥ Os paraninfos dos Doutores: (diz os nomes. Nós costumamos colocar só duas crianças para ser o paraninfo da turma; um menino e uma menina.)

♥ A diretora do Colégio ___________________.

♥A professora homenageada: ________________(Se hOuver outras pessoas para compor a mesa chama)

Apresentador:

Agora vamos chamar as estrelas da nossa festa:

Turma: Amigos para sempre.(chamar de um em um, a medida que vai chamando a criança vai sendo levado à frente pelo paraninfo e o apresentador fala, por exemplo:

1- O maior sonho de Antônio é ganhar um computador.

2-O seu melhor momento é quando seu pai sai para passear com ele.

3-O que lhe deixa triste é quando ver violência.

4-Uma pessoa muito especial para ele é sua mãe.

5- A sua brincadeira preferida é jogar bola.

6- Quando crescer ele quer ser bombeiro.

7- Sua mensagem especial é para seu pai:" Papai, você é meu herói."

OBS: Fazer as perguntas aos alunos com muita antecedência.

Apresentador:

A criança é fonte de amor.

Amor a este chão, amor ao Brasil e para que este Brasil seja alegre, verdadeiro, justo e uma nação poderosa faz-se necessário que saibamos semear nos corações das crianças essa semente especial que é o amor.

E demonstrando o nosso amor pelo Brasil, convidamos para de pé cantarmos o Hino Nacional Brasileiro.

Música: Hino Nacional Brasileiro (os alunos ficam de pé e posiciona a mão direita no coração)

Apresentador:

AMIGO É...

Um anjo que está sempre ao nosso lado mesmo que na distância.

É aquele que compartilha nossas alegrias.

É aquele que nos aceita, não pelo que temos mas pelo que somos!

Amigo verdadeiro é anjo, é paz, é tudo!

Concluintes 2009 com a abertura AMIGO.

Música: Amigo (Diante do Trono)

Coloca Fundo Musical: Coração de Estudante ( enquanto as professoras coloca as becas nos doutores)

Apresentador:

A oração de uma criança pode muito nos seus efeitos.

O formando __________________ ora agradecendo a Deus.

Oração: ______________________

Apresentador:

Agora, as princesinhas do ABC irão apresentar a música aos Olhos do Pai (só as meninas, formando pares)

Música: Aos olhos do Pai (Diante do Trono)

Apresentador:

Convido a oradora da turma ___________________ para a mensagem de carinho e reconhecimento.
Oradora: _____(ler uma mensagem de sua preferência

Apresentador:

Sei que sou criança, mas com brinquedos, livros e cadernos, aprendi a ler, escrever, somar alegrias, diminuir tristezas, multiplicar a Paz e dividir o amor e com o nosso amor, juntos, formamos o _________________________(nome da escola)

Música: Eu aprendi a ler e escrever.

Convido os pais para a entrega dos anéis.

Fundo Musical: O Caderno

Obs. Vai chamando o nome dos alunos e o responsável vem a frente para entregar o anel.

JURAMENTO

APRESENTADOR:

Convido a formanda __________________ para comandar o juramento.

Juramento: (fazer o juramento à gosto)

Apresentador:

Agora a turma AMIGOS PARA SEMPRE vai apresentar as cores dos amigos.

Cantar a música ARCO-IRIS de Xuxa.

Música: Arco-Iris (Xuxa)

Apresentador:

Convido a professora ________________ para fazer a entrega dos diplomas aos formandos.

Fundo Musical: Aquarela

Apresentador:
Convido a todos para com muito entusiasmo cantarmos Parabéns para os formandos.

Fundo Musical: Aquarela

OBS. Tirar as becas dos alunos.

Entregar as Guitarras(meninos) e óculos (meninos e meninas).

Música: O que eu vou ser quando crescer ( Mara Maravilha)

MOMENTO DE GRATIDÃO

APRESENTADOR

Iniciaremos agora o momento da gratidão.

Agradecer às pessoas que se empenharam ativamente no processo educativo dos formandos aqui presentes: seus pais e suas professoras.

Convido as mães para virem aqui à frente receber uma homenagem de seus filhos.

OBS. Esperar as mães chegarem à frente, elas vão se sentar nas cadeiras dos filhos e eles ficam na frente delas.

Quando terminar a música eles se sentam no colo da mãe.

Apresentador:

O aluno ______________________ tem a oportunidade para sua palavra de gratidão.

Palavra de gratidão: (À ESCOLHA)

Música: Mamãe, eu amo você.

Apresentador:

Agora, convido os pais para virem aqui à frente receber uma homenagem de seus filhos.Os pais ficam em pé e os filhos ficam na frente deles, quando terminar a música os filhos abraçam os pais.

Música: Papai, meu herói.

AGRADECIMENTOS

APRESENTADOR:

O aluno ______________ tem a oportunidade para agradecer à tia _____________________ em nome da turma.

Agradecimento: ___________________________

Música: Amiga Professora

Apresentador:

Convido o aluno _________________ para deixar uma Mensagem de Natal para todos

Mensagem de Natal: (À ESCOLHA)

Música: Feliz Natal

Apresentador: Vamos dar início ao baile de formatura.

Música: Valsa

O apresentador chama os alunos de um em um, o paraninfo(a) pega na mão do doutor e leva até ao centro do salão, dança um pouco e entrega ao responsável que deve está no local para continuar a dançar e assim sucessivamente.

Apresentador:

Finalizamos a solenidade da formatura em ABC.

Desejamos aos formandos muito sucesso nas suas vidas.

Que a força da vida presente em todo o universo brilhe em vocês!

A todos que fazem parte da Família ______________(diz o nome da escola) um Feliz Natal, muita paz e esperança no novo ano que se inicia, sem medo de ser feliz!

Música: Colocar um CD bem alegre.


SUGESTÃO NÚMERO 2


Roteiro para formatura do ensino infantil.

Mensagem de abertura.

Entrada dos formandos.

Entrada das bandeiras com o hino nacional.(opcional)

Apresentação do coral infantil.

Homenagem aos funcionários.


" Nossa homenagem e a nossa gratidão a todos os que, pela amizade, carinho e respeito, ou pelo simples convívio ao longo dos anos a nós se uniram e contribuíram para que nossa conquista se realizasse."


(Nome de todos os funcionários da escola.)


6. Homenagem ao corpo docente.



" Nossa homenagem aos mestres que nos transmitiram seus conhecimentos e experiências profissionais com dedicação e carinho, ganhando de nós amizade e profundo respeito."


(Nome de todos do corpo docente)


7. Homenagem ao paraninfo da turma.


" Deste dia, somente restarão recordações distantes, porém vivas em nossa memória. Cada palavra que nos foi dita será estímulo para nossa vitória."


(Palavra do paraninfo)


8. Apresentação do coral.


9. Juramento.


Eu prometo

na hora de brincar, brincar.

na hora de estudar, estudar.

E estudando ou brincando só o que é bom aprender.

Prometo ser grato e justo. respeitar os meus pais e a minha pátria, respeitar e servir.

Prometo ainda, ao menino Deus, sempre sua ajuda pedir.


10. Entrega dos diplomas.


11. Agradecimento a Deus.


"Sempre estivestes ao meu lado. Nas minhas quedas, nas minhas fraquezas, nas minhas alegrias e tristezas.

Sei que estás aqui ao meu lado.

Obrigado por ste presente que agora nos ofereces. obrigado por tudo o quanto vi, escutei e aprendi.

obrigado pela graça, obrigado pela vida.

Muito obrigado!


12. Apresentação do coral.

13. Encerramento.

Fenômenos da natureza, Natal e Formatura


CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 01 a 16 de dezembro   de 2011
Tema: Fenômenos da natureza, Natal e Formatura                Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

*Valorizar Fenômenos da natureza, formatura e natal;
* Compreender a importância do nascimento de Cristo (natal) e formatura para a Humanidade, e o que ele nos ensinou;
* Conhecer os significados dos vários símbolos natalinos.

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:

 *Descrever e conhecer os fenômenos da natureza;
 *Conhecer  a importância da   formatura em sua vida;
 *  Reconhecer a importância das boas ações para nossa vida.
 * Desenhar pintar e modelar livremente.

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

01/12  – Conversa informal sobre a formatura e DVD;
02/12 – história do natal e  ensaio para formatura;
05/12 –  Colagem- presentes;
06/12 – Pintura símbolos do natal;
07/ 10 – Colagem com tecido;
08/12 – Pintura- Árvore de natal;
12/12 – Carta apara papai Noel;
13/12 – Mural e música ( fenômenos da natureza);
14/ 12 –Dobradura- Árvore de natal;
15/12 - Brincadeiras dirigidas;
16/12 – Confraternização interna.

Projeto desenvolvido:

Natal feliz   “ Formatura”

Plano de aula -Meios de comunicação


CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 24 a 31 de outubro  de 2011
Tema: Meios de comunicação                Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

*Valorizar diferentes meios de comunicação;

* Reconhecer a importância dos meios de comunicação para sociedade;

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:

 *Descrever e conhecer os meios de comunicação;

* Desenhar pintar e modelar livremente.

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

24/10 – Conversa informal sobre os meios de comunicação e DVD;
25/10 – Colagem –meios de comunicação mais usada;
26/10 – Pintura - meios de comunicação;
27/10 – Passeio ao laboratório de informática e desenho livre;
28/ 10 – Passeio ao correio e desenho livre;
31/10 - Revisão do tema abordado.

Projeto desenvolvido:

Projeto “ Meios de Comunicação

PLANO DE AULA- ANIMAIS


CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 17 a 21 de outubro  de 2011
Tema: Animal                Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

*Identificar as diferentes espécies e as classificações dos animais;

* Reconhecer a importância dos animais para a cadeia alimentar e animais úteis para o Homem;

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:

 *Descrever os animais e o ambiente em que estão de forma simples;

*  Imitar e identificar os sons dos animais;

* Desenhar pintar e modelar livremente.

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

17/10 – História dos animais  e música;
18/10 - Deus criou os animais -Desenho livre;
19/10 –Colagem- animais que vivem na terra
20/10 – Música e desenho livre;
21/ 10 - Animais que vivem no mar e DVD.

Projeto desenvolvido:

Projeto “ Animais




Projeto Animais


Justificativa:
    Observando que no zoológico podemos estar em contato com uma diversidade muito grande de animais, sejam eles da fazenda, deserto, floresta, em fim, de diferentes ecossistemas que no mundo não poderiam conviver juntos ( como por exemplo, um camelo e um pingüim). Nos possibilitou trabalhar algumas habilidades e competências apresentadas pelo RCNEI ( Referenciais Curriculares Nacionais para Educação infantil).
   Além  dessas qualidades que o zoológico nos proporciona, temos em visa o interesse  das crianças pelos animais e  o desejo delas de estarem em contato com eles ou conhecê-los mais. Esses pontos apresentados acima nos motivaram e influenciaram na escolha do tem para iniciar a realização desse projeto junto das crianças.
O que aprendemos:
  • Estimular a oralidade
  • Ampliação do vocabulário
  • Descrever os animais e o ambiente em que estão de forma simples
  • Iniciar a construção do conceito lógico - matemático: baixo/alto, maior/ menor, igual/ diferente.
  • Discriminar diferentes cores
  • Identificar diferentes texturas
  • Perceber diferenças e semelhanças entre os animais e as pessoas
  • Movimentar-se de forma variada; andando, rastejando, correndo, pulando, etc.
  • Desenvolver percepções (tato, sabores, odores).
  • Imitar e identificar os sons dos animais
  • Desenhar pintar e modelar livremente
  • Fazer pintura coletiva individual com as mãos, pincéis...

O valor de Ser educador



CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 13 a 14 de outubro  de 2011
Tema:  Dia do professor                Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

 Promover, durante a semana do professor atividades extra classe, variadas e interessantes, valorizando o dia do professor.

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:

*Compreender a importância do professor;

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

13/10 - Conversa informal sobre a importância de ser professor e DVD;
14/10 – Pintura e música –professorinha.

Projeto desenvolvido:

Projeto “O valor de Ser educador

Dia das crianças


CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 03 a 11 de outubro  de 2011
Tema:  Dia das crianças                  Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

 Promover, durante a semana da criança, atividades extra classe, variadas e interessantes, visando dar a criança oportunidades de lazer e sociabilidade educativas.

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:

*Compreender os direitos e deveres da criança;

*Desenvolver o raciocínio-lógico, a expressão oral e corporal, a coordenação motora, a percepção auditiva e visual da criança;

*Conhece novos jogos e brincadeiras.

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

03/10 - Conversa informal  e DVD relacionado ao tema;
04/10 – Brincadeiras dirigidas e brinquedos;
05/10 – Bolinhas de sabão;
06/10 - Passeio quadra AABB;
07/10 – Bolas de soprar – bichinhos
10/10 – Dança da cadeira gincana;
11/10 – Comemoração interna e entrega de lembranças

Projeto desenvolvido:

Projeto “ Dia das crianças”





Números, Grandezas, Medidas, Espaço e Forma


CEIM Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 01 a 07 de novembro de 2011
Tema: Números, Grandezas, Medidas, Espaço e Forma                   Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.
Atividades de rotina
Competências:

 *Desenvolver raciocínio lógico exercitando a capacidade para pensar logicamente com o intuito de identificar e relacionar números, grandezas, medidas, espaço, formas e quantidades.
* Noções de grandeza, direção e sentido POSIÇÃO.
Incentivação:

-Mural
-Brincadeiras dirigidas
-Hístórias

Habilidades:

* Reconhece números, grandezas, medidas, espaço, formas e quantidades através de materiais concretos;

*Compreender a importância dos números no dia-dia.

Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

01/11-história dos numerais e recorte colagem;
03/11 Pinte a bola maior;
04/11-Risque o pincel mais grosso;
07/11-Circule as formas;


Projeto desenvolvido:

 " Inicio do projeto xô Dengue"

19 de novembro dia da Bandeira


CEIM  Casulo Santa Terezinha do Menino Jesus
Data: 18 de novembro de 2011
Tema: 19 de novembro dia da Bandeira                  Semestre: 3º
Idade: 03 anos
Professora; Maria Aparecida Rodrigues Marques.

Atividades de rotina
Competências:

 *Conhecer a importância do dia da Bandeira

Incentivação:

-Mural
-Hístórias

Habilidades:


*Compreender a importância do dia da Bandeira


Desenvolvimento:

Conversa informal sobre o tema abordado.

Atividades:

18/11-história e DVD relacionado ao tema;

Projeto desenvolvido:

Dia da bandeira






“Meu nome, Meu mundo”

O que o aluno poderá aprender com esta aula


A construção da escrita do nome constitui-se para o ser humano uma necessidade básica. O nome da pessoa está sempre nas suas primeiras manifestações da escrita. As crianças que estão se alfabetizando podem e devem aprender muitas coisas a partir do trabalho com os nomes próprios da classe. Os três pilares básicos da alfabetização são: oralidade, leitura e escrita e por isso, devem estar interligados desde o primeiro dia de aula. Diante disto, torna-se necessário que se desenvolva em sala de aula atividades que promovam a socialização da turma através do trabalho com os nomes, proporcionando ao educador o acesso a um instrumento de avaliação que irá detectar o conhecimento prévio que o aluno possui, quando este demonstra suas hipóteses de escrita do nome. Então, é primordial que o trabalho com o nome se inicie num primeiro momento do processo de alfabetização da criança e se estenda por um período de dois meses, podendo ser prolongado conforme a necessidade da turma. Neste sentido, objetiva-se: - Possibilitar o acesso ao conhecimento da leitura e da escrita através de atividades com o nome, estimulando a oralidade dos educandos. - Criar condições para que os educandos compreendam a leitura e seus significados, através das atividades com o nome. - Possibilitar a integração da turma, através de atividades coletivas, relacionadas aos nomes dos educandos, promovendo a socialização entre os mesmos. Duração das atividades

1 Bimestre ou 1 semestre. Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Estratégias e recursos da aula

• Auto-retrato e escrita do nome:

- Distribuir para a turma papel, lápis de cor, de cera ou canetinha. Cada aluno desenha seu retrato (se possível com a ajuda de um espelho exposto na sala). Escreve seu nome junto ao desenho. Recolhe-se as “fotos” e redistribui-se entre a turma. Cada um tentará adivinhar quem é o dono da foto (pode ser ajudado pelos colegas). O dono da foto se apresenta, diz se gosta ou não do nome, diz onde mora e o que gosta de fazer.



• História do nome:

- Cada aluno pesquisa em casa com os familiares, a história de seu nome. Em sala, relata o porquê tem este nome. O educador apresenta tiras com o nome completo de cada educando (em letras maiúsculas, bem visíveis). Na medida que o educando for falando a história de seu nome, acompanha-se com a turma a leitura do nome completo, identifica-se o sobrenome do pai e da mãe (cada aluno pode levar sua certidão de nascimento) e compara-se nomes e sobrenomes semelhantes dos alunos da sala. Depois cada um registra o seu nome completo.



• Construção de crachá:

- Os alunos irão construir um crachá para uso diário. Cada um recebe um cartão com o seu nome (em letras maiúsculas) e o professor acompanha a leitura das letras presentes no nome, mostrando para turma, identificando principalmente as letras iniciais e finais. O aluno então registra num outro cartão o seu nome e faz um pequeno desenho ao lado. Distribui-se os cartões no chão. Cada um pega qualquer cartão e tenta adivinhar de quem é. Logo em seguida, escreve numa folha de papel cartolina o nome do colega, formando uma lista de nomes, que será lida pelos alunos, posteriormente, com o auxílio do professor.



• Meu nome é uma arte

- Cada aluno, usando a sua imaginação e criatividade, escreve seu nome de uma forma diferente. O aluno pode formar um desenho, como um sol, uma casa, um coração, através de seu nome completo. Desta forma, não se tornará mecânico o ato de repetir várias vezes a escrita do nome, pois o aluno vai estar criando desenhos e o mesmo tempo, escrevendo várias vezes seu nome, dando um sentido para esta repetição. O educador pode sugerir alguns desenhos para os alunos desenvolverem sua criatividade. Os alunos podem também fazer um desenho comum primeiro, e depois escrever em volta do desenho o seu nome completo. Tudo vai depender da forma como se apresenta a turma.



• Construção de alfabeto móvel:

- Com os crachás em mãos, cada educando recebe várias tiras de papel cartão ou papelão. Preenche cada tira com cada letra presente no seu nome. Desta forma, poderá manusear as tiras para formar seu nome, reconhecendo melhor as letras presentes no mesmo. Inicialmente, trabalha-se com letras maiúsculas. No decorrer das aulas, os alunos irão preencher mais tiras, agora com as letras presentes no nome dos colegas, não importando se haver repetição. Desta forma, os alunos irão comparar as letras presentes no seu nome com as letras presentes no nome do colega, além de terem a possibilidade de formar mais nomes ou até mesmos palavras, a partir dos sons percebidos em cada nome. É muito importante que cada um esteja sempre com seu crachá e que este possa ser disposto de várias formas, seja construído pelo aluno, seja pelo educador.



• Alfabeto dos nomes:

- Montar um mural com o nome dos educandos, separados pelas letras do alfabeto presentes no início de cada nome. Cada nome virá acompanhado de uma foto do aluno, para associar o desenho à escrita.



• Comparação de tamanho de nomes

- Cada aluno constrói com o alfabeto móvel o seu nome e deixa exposto no quadro de pregas para todos visualizarem. O aluno pode construir com o auxílio do educador ou do crachá com o seu nome. Então, verifica-se qual o nome maior, pelo número de letras. Verifica-se também o nome menor e estabelece-se comparações entre a quantidade de letras presentes em cada nome. Mostrar para os alunos que nem sempre o tamanho da pessoa corresponde ao tamanho de seu nome, bem como nem sempre o tamanho de animais, objetos e coisas, corresponde ao tamanho da escrita de tais. Apresentar, então, cartões com desenhos e fotos dos alunos e suas representações escritas, fazendo a pergunta “Qual o nome maior? E o menor?”. Contar o número de letras em cada nome para auxiliar.



• Que letra falta?

- Expor no quadro alguns nomes sem as letras iniciais e finais. Posteriormente, pode ser sem outras letras presentes no meio do nome. Os educandos registram e depois, completam com as letras que faltam. Esta atividade pode ser feita em conjunto.



• Roda dos nomes.

- Divide-se a sala em vários grupos, organizados em círculos. Cada educando tentará escrever o nome de cada colega do grupo. Pode-se utilizar o crachá como auxílio.





• Quebra-cabeça dos nomes.

- Cada educando recebe dois tipos de quebra-cabeças, ambos contendo seu nome escrito, um por letras e outro por sons (sílabas). As partes são misturadas e os educando tentam encaixar na seqüência dos nomes. Dependendo do ritmo da turma, pode-se trabalhar inicialmente apenas com peças que contem letras e posteriormente trabalha-se com sons. Alguns alunos podem necessitar de auxílio



• Trabalhando as silabas a partir dos nomes:

- Montar um quadro com sílabas presentes nos nomes dos educandos. Fazer a leitura dessas sílabas e observar as sílabas correspondentes aos números. Seguindo a seqüência dos números, escreve-se os nomes a partir de suas sílabas e a relação numérica. Verifica-se outras possibilidades de construir outros nomes, usando as sílabas presentes no quadro (ou outras palavras).



• Bingo dos nomes:

- Fornecer uma folha de papel com espaços em branco (seis espaços). O aluno escreve o próprio nome em um dos espaços e os nomes de cinco colegas. Sorteia-se os nomes e os alunos que os estiverem vão marcando ponto. Aquele que completar sua cartela vencerá o jogo.



• Palavras cruzadas.

- O professor dá dicas de uma pessoa e os alunos tentam descobrir de quem ele está falando. Quando descobrirem, constroem o nome do colega, utilizando as letras do alfabeto móvel. No centro vai estar escrito uma palavra, que pode ser “Criança, amor, brincar”. Cada letra desta palavra vai formar os nomes dos colegas. Portanto, é importante que se escolha uma palavra que tenha letras condizentes com o nome dos alunos da turma.







• Conjunto de nomes:

- Introduzir à noção de conjuntos, a partir dos nomes. Com os nomes dos educandos em cartões fixados no quadro, levar os mesmos a perceberem quantas letras há em cada nome. Há nomes pequenos e nomes grandes. Nem sempre a quantidade de letras corresponde ao tamanho da pessoa. Então, dividir em conjuntos (representados por figuras geométricas), que representam a união desses elementos semelhantes. Trabalha-se, inicialmente, com os seguintes elementos:

1. Nomes que começam pela mesma letra (Os alunos registram o conjunto que inicia com a letra de seus nomes).

2. Nomes que terminam pela mesma letra. (Analisar oralmente com eles).

3. Nomes iguais. (Analisar oralmente com eles).

4. Nomes que contêm o mesmo número de letras. (Analisar oralmente com eles).

5. Nomes de homens e mulheres. (os próprios alunos dividem os conjuntos e selecionam os elementos).



• Acróstico:

- Formar um acróstico com o nome de cada aluno da turma. Cada um vai dizer as qualidades do colega, que serão escritas conforme a letra presente no nome.



• Trabalho com o texto: “Quadrilha”, de Carlos Drummond de Andrade.

- Trabalhar com o título do texto. Verificar, com os alunos o sentido da palavra Quadrilha. Ler o texto com os alunos. Oralizar os nomes dos personagens do texto com o nome dos educandos (trocar de nomes). Para esta atividade usar cartões com os nomes dos educandos. Reescrever o texto utilizando o nome dos alunos. Cada educando escreve nomes que iniciam com a mesma letra do seu e substitui (oralmente) no texto.

Avaliação

Observar e registrar, diariamente, os avanços dos alunos na construção da escrita do próprio nome, bem como no reconhecimento de outros nomes. Observar o uso que os alunos fazem da escrita dos nomes para escrever outras palavras. Analisar as produções de escrita, individuais e coletivas, que abordam o tema trabalhado e assim, replanejar aulas que possam, desta forma, suprir dificuldades. Observar a participação nas atividades em sala, o relacionamento com o colega, bem como verificar o avanço, que cada aluno possui, na leitura de materiais relativos ao tema trabalhado.
 
Pesquisa feita no http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=481#

Plano de Aula, História, Relatório, sequência didática,Educação Infantil, Projetos...

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Follow by Email